Você está aqui: ultima noticias interno ‘Vouchers’, ensino à distância e universidade paga, os planos na mesa de Bolsonaro

‘Vouchers’, ensino à distância e universidade paga, os planos na mesa de Bolsonaro

Para preservar recursos do Ministério da Educação (MEC), uma das ideias do partido de Bolsonaro, o PSL, e já mencionadas por homens fortes de sua equipe, incluindo o futuro superministro da Economia, Paulo Guedes, é o “voucher educação”. A proposta, que também era bandeira do candidato derrotado à presidência João Amoêdo (NOVO), estipula a distribuição de vales para as famílias escolherem um colégio privado e matricularem seus filhos. Com maior participação de instituições privadas, o governo, segundo a tese dos defensores do modelo, economizaria dinheiro com a manutenção de escolas e a folha de pagamento dos professores.

Leia matéria completa:
El País

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.